ÁGUA: A Protagonista do Processo Cervejeiro

Os bons apreciadores de cerveja sabem que a qualidade final dessa bebida está diretamente ligada às propriedades da água utilizada no processo de fabricação.  De todos os ingredientes da cerveja, aproximadamente 95% corresponde à água e até mesmo as cervejas mais fortes possuem em média 90% deste componente. Durante a produção, para cada litro de cerveja são utilizados em média 5 a 20 litros de água, distribuída em diversos processos como fabricação, fermentação/maturação, envasamento, lavagem das embalagens, sanitização dos equipamentos e pasteurização.

Mas qual é, afinal, o impacto da água na qualidade final das cervejas?

A interação dos componentes da água com os demais ingredientes da cerveja e também os seus parâmetros de qualidade podem alterar significativamente o sabor final da bebida.  Dentre os parâmetros de qualidade que merecem atenção no processo de produção da cerveja estão o pH, grau de dureza, alcalinidade da água e substâncias orgânicas,  que interferem diretamente na cor, na turbidez, sabor, aroma e no tempo em que a cerveja permanece em condições saudáveis de consumo.

Alcalinidade e pH altos dão origem a cervejas mais leves e refrescantes e alcalinidade alta e pH baixo resultam em cervejas mais encorpadas.

A quantidade de sais minerais presentes na água – que a torna “dura” ou “mole” – também é determinante na qualidade da cerveja: quanto maior a composição de sais minerais (mais “dura” a água), mais pesada e amarga é a cerveja; quanto menor a composição (água “mole”), mais leve e clara é a cerveja.

A dureza da água é medida geralmente com base na quantidade de partes por milhão, ppm: quanto maior o valor de “ppm”, mais “dura” será considerada a água. O cálcio, por exemplo, entre outras funções relevantes, pode promover o sabor da cerveja; o magnésio, que serve como nutriente para as leveduras pode dar uma sabor amargo à cerveja se utilizado em grande quantidade; o cloreto ajuda a acentuar a doçura do malte; o sulfato ajuda a acentuar o amargor do lúpulo e o sódio também ajuda a promover doçura à cerveja se não utilizado em excesso.

Por tudo isso, conclui-se que a condição da água interfere diretamente na qualidade final da bebida.

Fontes de águas puras produzem cervejas melhores?

Antigamente, as cervejarias instalavam-se em locais com fontes abundantes das melhores águas subterrâneas para o estilo de cerveja que pretendiam produzir.  A qualidade da cerveja estava diretamente relacionada à origem e características da fonte de água mineral escolhida.  Isso porque não existiam técnicas adequadas de tratamento de água, mas hoje é perfeitamente possível corrigir qualquer propriedade da água, por meio de tecnologias específicas e aprimoradas.

Um dos processos mais importantes da produção da cerveja, portanto, é o tratamento da água. O tratamento da água pode torna-la mole ou dura, o ph cor, sabor e odor podem ser ajustados, microrganismos, íons e produtos orgânicos podem ser removidos, tudo para tornar a água ideal ao tipo de cerveja que se quer produzir.  Processos adequados de filtração permitem que a água captada em qualquer região do país esteja sempre dentro dos padrões de qualidade esperados. Assim, a água superficial poderá ter as mesmas condições de qualidade das águas subterrâneas se for adequadamente tratada.

O tratamento da água pode incluir, além da filtração, processos de flotação, decantação e cloração, que a tornará potável e adequada às características ideais de produção da cerveja.

Filtro de Carvão Ativado para Fabricação de Cerveja

Para aqueles apreciadores que pretendem fazer a sua própria cerveja artesanal e não dispõem de um laboratório para fazer a análise da água, uma boa dica é utilizar a água mineral que, em geral, é livre de cloro e tem pouca quantidade de sais,  e filtrá-la com um filtro de carvão ativado. O Filtro de Carvão Ativado vai possibilitar a remoção dos vestígios de cloro de forma eficaz.

Retrolavagem e Autolimpeza Automatizada

Vale a pena destacar aqui a eficácia dos Filtros FUSATI para a purificação da água a ser utilizada na fabricação da sua cerveja! De forma automatizada, e, portanto, sem a necessidade de um operador para a limpeza do filtro, o sistema de filtração inicia automaticamente em um intervalo de tempo definido, revertendo a direção do fluxo da água e possibilitando a sua limpeza dentro dos parâmetros de qualidade exigidos.

Após a limpeza o filtro retorna automaticamente para a posição de filtrar.

Filtro de Água FUSATI: Diversos Tamanhos e Modelos Para Atender a Sua Necessidade
  • Facebook
  • LinkedIn
  • Google+
  • Evernote
  • Gmail

Filtro de Água FUSATI: Diversos Tamanhos e Modelos Para Atender a Sua Necessidade

Filtro de Água Para A indústria de Bebidas e Alimentos
  • Facebook
  • LinkedIn
  • Google+
  • Evernote
  • Gmail

Filtro de Água Para A indústria de Bebidas e Alimentos

Sendo inegável o impacto da água na fabricação das cervejas, venha conhecer nossas soluções de tratamento de água e garanta uma cerveja de boa qualidade!

Sumário
Filtro De Água Para Cerveja Artesanal e Microcervejaria
  • Facebook
  • LinkedIn
  • Google+
  • Evernote
  • Gmail
Nome do Artigo
Filtro De Água Para Cerveja Artesanal e Microcervejaria
Descrição
Um dos processos mais importantes da produção da cerveja é o tratamento da água com filtro de água especializado. O tratamento da água pode torna-la mole ou dura, o ph cor, sabor e odor podem ser ajustados, microrganismos, íons e produtos orgânicos podem ser removidos, tudo para tornar a água ideal ao tipo de cerveja que se quer produzir.
Autor
Publicado por
Grupo FUSATI
Marca
Podemos ajudar! Fale com um especialista em Tratamento e Filtros de Água.
Powered by
Share This